Através do judô, Projeto Esporte na Cidade transforma vida de jovens em Sete Lagoas

A prática de esportes durante a infância e adolescência pode transformar a vida dos praticantes. Uma das melhores modalidades para isso é o judô, que, comprovadamente, ajuda no desenvolvimento da disciplina, do respeito e da educação do praticante.

 

Em Sete Lagoas, o Projeto Esporte na Cidade oferece aulas gratuitas de judô para 80 jovens da comunidade Cidade de Deus. A iniciativa é realizada pela Organização De peito Aberto Incentivo ao Esporte, Cultura e Lazer. Referência no município, o projeto conta com o patrocínio da Iveco, por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte.

 

Os alunos recebem o material necessário para frequentar as aulas. Uma vez por ano cada beneficiado recebe um kimono completo do projeto. Já a camisa do Esporte na Cidade é entregue duas vezes ao longo dos 12 meses de execução da iniciativa. A segunda entrega do atual ciclo foi realizada nessa segunda-feira.

 

Para Fabiana dos Santos Medeiros, mãe do aluno Eric, de 11 anos, a participação do filho no Projeto Esporte na Cidade mudou a rotina da criança, que evoluiu em diversos aspectos.

 

“Agradeço ao Projeto Esporte na Cidade, da De Peito Aberto, pelo tanto que meu filho melhorou após entrar no judô. O Eric era bem agitado, agressivo, tinha vários problemas na escola. Após começar a frequentar as aulas de judô, ele melhorou bastante. Começou a ler, algo que estava difícil para ele aprender. Agora, ele não está agressivo, não bate mais em outras crianças, pelo contrário. Ele aprendeu que o judô é um esporte e que não deve ser usado para a violência. O Eric melhorou muito com as orientações aprendidas no Esporte na Cidade”, comentou a mãe.

Na mesma linha de pensamento está Lorena, mãe do aluno Antônio de Freitas. Para ela, o filho ficou muito mais tranquilo e disciplinado após ingressar no Projeto Esporte na Cidade.

“Venho parabenizar o professor Otávio, pois as aulas de judô têm ajudado o meu filho. Ele tem ficado uma criança muito tranquila, mais obediente. Tem melhorado em todos os aspectos. Tudo que eu peço ele faz. Melhorou muito. Na escola também. Só tenho que agradecer, pois o judô ajuda demais o meu filho”, disse.

As aulas de judô são realizadas nas segundas e quartas-feiras sempre no turno oposto ao escolar. Podem participar do projeto jovens entre 7 e 17 anos devidamente matriculados e frequentes na rede escolar de ensino.

Além de ceder os kits de materiais esportivos, o projeto também contrata um profissional de educação física para orientar as aulas. Os beneficiados não precisam desembolsar nenhum valor para frequentar as atividades do Esporte na Cidade.

Com mais de sete anos de atividades, o Esporte na Cidade já atendeu mais de doze mil crianças e adolescentes em diversas regiões do Brasil, contribuindo para a formação social dos jovens, por meio de atividades de desporto educacional.