Estação Juventude leva jovens do socioeducativo a espetáculo de dança




Parceria com o Camaleão Grupo de Dança permite aproximação dos adolescentes ao
universo do balé contemporâneo.


Belo Horizonte - MG, 29 de abril de 2014

Diálogo entre o balé contemporâneo e elementos da dança de rua encantou os jovens atendidos pelo projeto Estação Juventude que tiveram a oportunidade de assistir ao novo espetáculo do Camaleão Grupo de Dança neste final de semana. A convite dos bailarinos, os adolescentes em cumprimento de medida nos centros socioeducativos Justinópolis (Ribeirão das Neves, RMBH) e Santa Terezinha (BH) e no Cead Lindéia (BH) puderam assistir ao espetáculo "Retina", no Sesc Palladium, na noite do último sábado (26/4).

A atividade integrou a Ação de Formação de Plateia realizada pelo Camaleão, em que a bailarina e arte educadora Luciana Lanza visitou previamente as unidades para conversar com os jovens e explicar um pouco sobre o que é a dança contemporânea, a história profissional dos bailarinos, o processo de criação do espetáculo e a experiência de ir ao teatro.

"A conversa foi muito interessante para aproximar os adolescentes desse universo. Eles conheceram a história de bailarinos que vieram da dança de rua e se identificaram com isso. Os jovens ficaram muito empolgados para a ida ao espetáculo e muito felizes com o que viram", destacou o coordenador de atividades do Centro de Atendimento ao Adolescente Lindéia, Alexander Souza.

O coordenador explicou que esse tipo de atividade cultural é um catalisador no processo de ressocialização dos adolescentes. "Eles são tocados por várias coisas que, aqui dentro, não poderíamos alcançar", afirmou. A expectativa é de que, nas próximas semanas, a bailarina Luciana Lanza retorne às unidades para conversar com os jovens sobre as impressões do espetáculo.

Estação Juventude

Completando o 1º ano de trabalho junto ao sistema socioeducativo de Minas Gerais, o projeto Estação Juventude celebra grandes resultados na realização de oficinas de arte e cultura com adolescentes em cumprimento de medida. O projeto é desenvolvido pela Associação De Peito Aberto, em parceria com a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds/ MG), por meio da Subsecretaria de Atendimento às Medidas Socioeducativas (Suase).

"Iniciado em abril de 2013, o Estação Juventude oferece aos adolescentes diversas atividades nas áreas de artes visuais, letras, artes plásticas, música e artes cênicas, buscando colaborar para o percurso desses jovens no cumprimento da medida socioeducativa e para a construção de novas perspectivas", explica a coordenadora do projeto, Elizabeth Medeiros.



Por: Assessoria de Comunicação De peito Aberto | Larissa Metzker
Crédito foto: Lena Maia



www.depeitoaberto.com.br | (31) 2511-1515 | contato@depeitoaberto.com.br